segunda-feira, 11 de setembro de 2006

AUSÊNCIA

- Você vem comigo?
- Acho que não.
- Por que não?
- Não estou com vontade.
- Para fazer algo é preciso um motivo. Para não fazer, vários.
- (....)
- Vamos? Eu venho te buscar depois, se quiser.
- Não precisa.
- Você está triste?
- Só pensando...
- Pensando em quê?
- Em muitas coisas. E de vez em quando em mim.
- Você vai ficar sozinha?
- Eu já estou sozinha.
- Você vai fazer falta lá.
- Eu também estou fazendo falta aqui...